sexta-feira , 15 dezembro 2017
Últimas Notícias

Grêmio vence São Paulo por 1 a 0 na Arena.

O Grêmio deu um passo importante para garantir o vice-campeonato brasileiro. Na noite desta quarta-feira, o Tricolor bateu o São Paulo por 1 a 0 na Arena, pela 35ª rodada, e abriu, pelo menos momentaneamente, quatro pontos para o Palmeiras. O gol da vitória foi marcado pelo zagueiro Kannemann.

 

Com a vitória, o Grêmio vai a 61 pontos e praticamente se garante no G4 do Campeonato Brasileiro, que vale vaga direta na Libertadores de 2018. O Tricolor volta a campo no domingo, às 19h, para encarar o Santos na Vila Belmiro. Nesta partida, o técnico Renato Portaluppi vai escalar uma equipe toda reserva em razão do jogo de ida da final da Libertadores com o Lanús na próxima quarta-feira.

No último jogo do time titular do Grêmio antes da final da Libertadores da América, o adversário foi um bom teste para a equipe de Renato Portaluppi. Depois de passar várias rodadas na zona de rebaixamento, o São Paulo vinha em ascensão e prometia encarar o time gaúcho na Arena. Mas não foi bem isso o que aconteceu no primeiro tempo.

 

Os primeiros 45 minutos foram de jogo de ataque contra defesa. Sempre com muitos jogadores próximos da sua área, o São Paulo tratou de tentar segurar o empate. E fez isso até bem. Mesmo com o Grêmio pressionando, as chances de gols não foram muitas, para o Tricolor Gaúcho. A primeira finalização no gol veio com Ramiro apenas aos 29 minutos, em chute de fora da área que Sidão defendeu. Um pouco antes, o goleiro do São Paulo tinha trabalhado em bola desviada contra o próprio gol pelo lateral Edimar, que ele pulou para fazer a defesa.

 

O Grêmio seguiu pressionando e chegou ao gol aos 33 minutos. E foi em uma jogada que envolveu seus dois zagueiros. Edílson ficou com o rebote após Sidão dar um soco na bola no escanteio e tocou para Geromel, pela direita. O camisa 3 cruzou, Arboleda fez o corte, mas a bola bateu em Kannemann e só parou no fundo do gol, 1 a 0.

 

Somente após o gol gremista que o São Paulo conseguiu sua primeira finalização certa na partida. Aos 40 minutos, Hernanes bateu da entrada da área, mas fraco e Marcelo Grohe fez a defesa sem muita dificuldade. O Tricolor Paulista ainda mostrou nervosismo com a atuação ruim. O próprio Hernanes levou amarelo após falta dura em Luan. Antes do intervalo, Rodrigo Caio deu um pisão em Kannemann, mas escapou de levar o cartão porque o árbitro Rodolpho Toski Marques não viu o lance.

 

São Paulo domina o segundo tempo e Grohe salva no final

 

O segundo tempo teve uma mudança na postura dos dois times. O São Paulo, que voltou com Lucas Fernandes no lugar de Maicosuel, adiantou suas linhas e passou a ter a iniciativa da partida. O time paulista chegou a ter 75% de posse de bola na primeira parte da etapa final, mas tinha dificuldade para entrar na área do Grêmio.

 

Com menos posse de bola, mas com um jogo mais direto, foi o Grêmio quem teve a primeira oportunidade do segundo tempo. Em uma jogada combinada pelo lado direito, Edílson bateu cruzado e Sidão deu rebote. A bola caiu nos pés de Ramiro, que bateu e o goleiro são-paulino mostrou muito reflexo para fazer a defesa e impedir o segundo gol gremista.

 

O Grêmio ainda chegou mais uma vez com perigo aos 16 minutos, quando Cortez invadiu a área e bateu cruzado, mas Rodrigo Caio apareceu já dentro da pequena área para dar o carrinho e desviar a bola para fora.

 

Com o cronômetro chegando aos 25 minutos, o técnico Renato Portaluppi fez as primeiras mudanças na equipe. Fernandinho e Barrios saíram para entradas de Everton e Jael. Dorival Júnior respondeu com Júnior Tavares no lugar de Petros. Logo após as trocas, Lucas Pratto recebeu dentro da área e bateu cruzado vencendo Marcelo Grohe, mas o lance foi anulado por impedimento do centroavante argentino.

 

O São Paulo voltou a levar perigo aos 34 minutos, quando Lucas Fernandes recebeu lançamento de Júnior Tavares às costas da zaga do Grêmio e cabeceou para defesa de Marcelo Grohe. A reposta gremista veio no lance seguinte em jogada de Everton, que tabelou com Kannemann e chutou já caído, mas Sidão apareceu bem para dar um tapa na bola.

 

Nos minutos finais, Dorival Júnior foi para o tudo ou nada e mandou o atacante Gilberto a campo no lugar do lateral-direito Araruna. Quase deu certo. A última chance do empate veio com Lucas Pratto. Aos 47 minutos, ele invadiu a área gremista e bateu cruzado com a perna esquerda, porém Marcelo Grohe fez uma grande defesa para impedir o gol e garantir a vitória que praticamente confirma o Grêmio no grupo de classificados à próxima edição da Libertadores.

 

Brasileirão – 35ª rodada

 

Grêmio – 1

Marcelo Grohe; Edílson, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Michel, Arthur, Ramiro (Michel), Luan e Fernandinho (Everton); Barrios (Jael). Técnico: Renato Portaluppi

 

São Paulo – 0

Sidão; Araruna (Gilberto), Rodrigo Caio, Arboleda e Edimar; Jucilei, Petros (Júnior Tavares), Hernanes e Maicosuel (Lucas Fernandes); Marcos Guilherme e Pratto. Técnico: Dorival Júnior

 

Gol: Kannemann (33min/2ºT)

Cartões amarelos: Fernandinho (GRE); Jucilei, Arboleda, Hernanes (SP)

Árbitro: Rodolpho Toski Marques (Fifa/PR)

Auxiliares: Bruno Boschilia (Fifa/PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR)

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top